Cardamom and Black Pepper Apple Pie

So, as I’m sitting here eating a piece of cake and typing this post, I started thinking…

Goodness, I have no energy to do anything anymore. Or enough daylight, for that matter. Let me tell you something, working in a kitchen is DEFINITELY not for everyone. Between spending days without having a proper lunch, walking around for 10 hours straight with a full house, and not getting nearly enough sleep, I can safely say that this job is probably the most tiring, rushed, amazing thing that has ever happened to me, and I don’t regret following that path one bit.

I gotta point out one thing, though: I never felt like I needed a beer more than now. No seriously, after a day of work, it’s one of those things that you start craving, and I was never much of an alcohol person. Also, don’t get me started on sugar. Or caffeine. I never needed these things so much, and I’ve been a sugar/coffee addict for the longest time (I mean, look at my blog’s name, for Christ’s sake). I find myself baking cakes almost everyday, trying to satisfy this need for sugar, it’s so weird.

Which leads me to the following recipe. Apple. Freaking. Pie. I was craving a healthy piece of apple pie for weeks, but I couldn’t find enough time to make it and take good photos – hence why I’m missing my daylights. When I did found time, I thought about all the different flavours I could add in it, and don’t get me wrong, I love me some good ol’ cinnamon, but I wanted something different. Naturally, I added cardamom, because rulers can’t measure my love for this spice, and the tiniest bit of black pepper, just to give that hint of heat in the end of every bite.

Also, just a side note, let me apologize for my terrible food styling, lately. I’m still adjusting to my apartment’s lighting, and I don’t even have a proper table yet hahaha So yeah, please bare with, I’m working to get more decent photos in my future posts, I promise. Meanwhile, enjoy the recipes, I have a few exciting ones coming your way pretty soon 😉

CARDAMOM AND BLACK PEPPER APPLE PIE

For the base

Adapted  slightly from the book Por Uma Vida Mais Doce by Danielle Noce

250 g (1 3/4 cup or 8.8 oz) plain flour

250 g (1 3/4 cup or 8.8 oz) whole wheat flour

3 tablespoons granulated sugar

pinch of salt

250 g (1 1/4 cup or 8.8 oz) unsalted butter, very cold and diced

2 eggs, cold from the fridge

3 to 4 tablespoons cold water, only if needed

  • 1 beaten egg and some demerara sugar, to brush and sprinkle on top

For the filling

3 granny smith apples, medium sized

1 lemon, juiced

45 g (1/4 cup or 1.6 oz) granulated sugar

2 tablespoons honey, go for something floral here (eucalyptus, orange blossom, wildflower…)

1/2 teaspoon ground cardamom

1/4 teaspoon ground black pepper

1/2 tablespoon corn starch

pinch of salt

Begin with the pastry dough, by placing all the dry ingredients in a big bowl, then add the cold butter and rub it with the flour mixture between the tips of your fingers, until you get a wet sand like texture. Add the eggs and mix it just until the dough comes together, if it still seems too dry for you, add a tablespoon of water at a time, until you get it right (a clean bowl is often a good sign). Divide the dough in half, wrap it in cling film and put it in the fridge for at least an hour, to rest.

After chilled, roll one of the halves of the dough out between two pieces of parchment paper, until it’s a bit bigger than a 20 cm (8 inches) springform tin, you want it to be fairly thin. Transfer it, carefully, to the tin, with the help of the parchment paper that was underneath, don’t worry if it breaks, just pinch it together with the scraps and cut off the excess from the sides, if you end up with some. Place it into the freezer while you work on the rest of the pie. Now, with the other half of the dough you could make any pattern you’d like, here are some ideas. Regardless of what design you choose, keep it already made in the parchment paper and place it in the freezer, as well, while you work on the filling.

Preheat your oven to 260ºC (500ºF). Prep your apples by cutting them in half, then in quarters, cut off the cores, and slice into thin slices. Squeeze over some lemon juice and mix in the rest of the ingredients. Place the filling into your prepared pie base and then, gently, place the other half of the dough on top. Brush with the beaten egg, sprinkle some demerara sugar on top and bake for 45 minutes to 1 hour, depending on your oven, or until the dough is golden and crispy to the touch. leave it to cool for 15 minutes and serve hot, with some ice cream, or cold, with a drizzle of honey and some whipped cream.

Pois muito bem, estava eu sentada aqui, aqui comendo um pedaço de bolo e escrevendo este post, quando comecei a pensar (eu sei, que perigo)…

Gente, não tenho energia para fazer mais nada. Ou luz do dia suficiente, pareço ter uns 20 anos a mais haha Vou te contar, trabalhar em uma cozinha definitivamente não é para qualquer um. Entre passar dias sem almoçar, andar pra lá e pra cá por 10 horas seguidas com a casa cheia, e não dormir nem de perto o suficiente, eu posso dizer com certeza que este trabalho é provavelmente a coisa mais cansativa, apressada e incrível que já aconteceu comigo, e eu não me arrependo nem um pouco de ter seguido esse caminho.

Entretanto, eu preciso destacar um ponto aqui: Eu nunca senti que precisava tanto de uma cerveja. Não, sério, após um dia de trabalho, é uma daquelas coisas que você começa desejar, e eu nunca fui uma pessoa que gosta de beber, na verdade cerveja era a bebida que eu mais odiava. E nem me fale do açúcar. Ou da cafeína. Eu nunca precisei tanto dessas coisas como agora, e já faz muito tempo que sou viciada em açúcar/café (quer dizer, olhe o nome do meu blog, pelo amor de Deus). Me encontro fazendo bolos quase todos os dias, tentando satisfazer esta necessidade de ingestão de açúcar, é muito estranho.

O que me leva à seguinte receita. Torta. De. Maçã. Fazia semanas que eu tava com um desejo louco de um pedaço de torta de maçã, mas eu estava conseguindo encontrar tempo suficiente para fazê-la e tirar boas fotos – daí o porque de eu estar sentindo falta de mais luz do dia. Quando eu consegui tempo, pensei em todos os sabores diferentes que eu poderia acrescentar à ela, e não me interpretem mal, eu amo a boa e velha canela, mas eu queria algo diferente. Naturalmente, eu adicionei cardamomo, porque réguas não medem o meu amor por esta especiaria, e um pouquinho de pimenta do reino, apenas para dar aquele toque apimentado no final de cada mordida.

Aliás, só um observação básica, devo desculpas pelas minhas fotos não estarem tão boas, recentemente. Eu ainda estou me ajustando à iluminação do meu apartamento, e eu nem tenho uma mesa ainda hahaha Então, por favor, aguente aí que eu estou trabalhando para obter fotos mais decentes em meus futuros posts, eu prometo. Enquanto isso, aproveite as receitas, eu tenho umas bem boas planejadas e que pretendo fazer em breve 😉

TORTA DE MAÇÃ COM CARDAMOMO E PIMENTA DO REINO

Para a massa

Adaptado do livro Por uma Vida Mais Doce por Danielle Noce

250 g (1 3/4 xícara) de farinha de trigo

250 g (1 3/4 xícara) de farinha de trigo integral

3 colheres de sopa de açúcar cristal ou refinado

pitada de sal

250 g (1 1/4 xícara) de manteiga sem sal, gelada e cortada em cubos

2 ovos, gelados

3 a 4 colheres de sopa de água gelada, apenas se necessário

  • 1 ovo batido e um pouco de açúcar demerara, para pincelar e polvilhar por cima

Para o recheio

3 maçãs verdes, médias

suco de 1 limão

45 g (1/4 de xícara) de açúcar cristal ou refinado

2 colheres de sopa de mel (eucalipto, flor de laranjeira e flores silvestres vão bem neste caso)

1/2 colher de chá cardamomo em pó

1/4 colher de chá de pimenta do reino moída

1/2 colher de sopa amido de milho

pitada de sal

Comece com a massa, colocando todos os ingredientes secos em uma tigela grande, em seguida, adicione a manteiga fria e esfregue-a com a mistura de farinha entre as pontas de seus dedos, até obter uma espécie de farofa. Adicione os ovos e misture apenas até que a massa se combine, se ainda parecer muito seca para você, adicione uma colher de sopa de água gelada de cada vez, até dar o ponto (uma tigela limpa no fundo e nas laterais é sempre um bom sinal). Divida a massa ao meio, envolva-a em filme plástico e coloque-a na geladeira por pelo menos uma hora, para descansar.

Depois de refrigerada, abra uma das metades da massa entre dois pedaços de papel manteiga, até que esteja um pouco maior do que uma forma de fundo falso de 20 cm de diâmetro, ela precisa estar relativamente fina. Transfira-a, com cuidado, para a forma, com a ajuda do papel manteiga que estava por baixo, não se preocupe se quebrar, apenas junte os pedaços e corte o excesso, se sobrar. Coloque-a no congelador enquanto você trabalha nos outros componentes da torta. Agora, com a outra metade da massa você pode fazer qualquer padrão que quiser, aqui estão algumas ideias. Independentemente de qual desenho você escolher, mantenha-o já feito no papel manteiga e coloque-o no congelador, enquanto faz o recheio.

Pré-aqueça o forno a 260ºC. Prepare suas maçãs, cortando-as ao meio, depois em quatro, retirando o centro, e cortando em fatias finas. Esprema um pouco de suco de limão e misture com o restante dos ingredientes. Coloque o recheio na sua base de torta semi congelada e, em seguida, delicadamente, coloque a outra metade da massa na parte superior. Pincele com o ovo batido, polvilhe um pouco de açúcar demerara por cima e leve ao forno por 45 minutos à 1 hora, dependendo do seu forno, ou até a massa ficar dourada e crocante ao toque. deixe esfriar por 15 minutos e sirva quente, com um pouco de sorvete, ou fria, com um fiozinho de mel e um pouco de chantilly.

You may also like

Deixe uma resposta